Palestra do Mês

Culto Mensal de Agradecimento do Solo Sagrado de Guarapiranga - Maio de 2019

Data: 01/05/2019
Por: Igreja Messiânica Mundial do Brasil
Editoria: Palestra do Mês

Culto Mensal de Agradecimento de Maio
Solo Sagrado de Guarapiranga - 1º de maio de 2019
Saudação do Presidente da IMMB
Rev. Marco Antonio Baptista Resende

Bom-dia a todos!

Vamos enviar também, um caloroso bom-dia para todos que estão nos assistindo pela Izunome.Tv? Bom-dia!

Os senhores e as senhoras estão felizes?

Eu também estou muito feliz!

Agradeço a Deus e a Meishu-Sama, a permissão de servir à Obra Divina e de realizar este culto mensal de agradecimento com todos os senhores e senhoras.

Hoje é um dia muito especial. Estamos comemorando o Dia do Trabalho! Gostaria de manifestar nossa gratidão com uma calorosa salva de palmas para todos os trabalhadores!

Hoje, no dia 1º de maio do ano messiânico do servir, gostaria de pensar um pouco mais com os senhores sobre o que o trabalho significa para nós e a importância da sorte na vida.

A relação do ser humano com a palavra trabalho é muito interessante. Ela possui vários significados.

Eu sei que, não é o caso de ninguém aqui, mas existem pessoas que, só de ouvir a palavra trabalho, sentem vontade de correr.

Mas, por outro lado, se não tiverem trabalho nenhum, a tendência é ficarem tristes e até depressivas. Isso parece uma ironia, não é?

De onde será que vem essa dualidade de sentimentos em relação ao trabalho?

Os senhores sabiam que a palavra trabalho tem sua origem no termo latino tripallium, que era um instrumento de tortura?

Está explicado de onde vem a vontade de "fugir" que muitas pessoas sentem quando ouvem a palavra trabalho.

Isso é muito sério, não é?

Ao longo da história, o sentido dessa palavra veio mudando, até chegar ao significado que lhe atribuímos hoje.

Porém, aquela relação do trabalho com algo extremamente doloroso e sofrido pode ter ficado impregnada em algum lugar do nosso espírito.

Se pensarmos no que Meishu-Sama ensina sobre o espírito da palavra, podemos compreender bem esse sentimento contraditório que existe em relação ao trabalho.

Mas, hoje, o que a palavra trabalho significa para cada um de nós? É uma atividade importante para a nossa vida ou é um sofrimento? É um motivo de gratidão ou é apenas uma atividade necessária para o nosso sustento?

Há pouco, os senhores ouviram a oração do Culto Mensal?

Lembram-se das palavras que dirigimos a Deus e Meishu-Sama?

Vamos relembrar?

"Diante de Vós, nós, messiânicos, desejamos expressar o nosso mais profundo sentimento de gratidão por termos recebido de Deus a consciência de que, por meio do trabalho, estamos participando do Plano Divino de estabelecer o Paraíso na Terra, servindo ao próximo e à sociedade."

É isso mesmo? Os senhores também pensam assim?

No ensinamento "Conheça a Vontade Divina", Meishu-Sama afirma:

"[...] o homem foi criado para construir o Mundo Ideal planejado por Deus. E ele só trabalhará com saúde, sem desgraças, em ambiente satisfatório, se conseguir identificar-se com este objetivo Divino."

Precisamos compreender que o trabalho provém de Deus, que a permissão de trabalhar provém de Deus. Portanto, é necessário entendermos qual a Vontade de Deus para conosco através do trabalho.

Para construir o Paraíso Terrestre, Deus criou todas as profissões, atividades, e pessoas necessárias. Todos eles são importantes para o Plano Divino.

Nascemos aqui, na Terra, trazendo uma missão e uma vocação que recebemos de Deus para servirmos em Sua Obra.

Sabemos que nem sempre é fácil descobrir qual é a nossa vocação e decidir qual profissão queremos seguir. Hoje, essa decisão, geralmente, tem que ser tomada por volta dos 17 anos, o que é um desafio muito grande, tanto para os filhos quanto para os pais. Toda família fica apreensiva com o futuro de seus jovens, não é?

Temos também, o caso de pessoas que já estão no mercado de trabalho, mas que não estão se sentindo realizadas, felizes com o que estão fazendo.

Há ainda, aquelas que, no momento, estão com dificuldades para encontrar um trabalho.

Em todos os casos, a felicidade no trabalho depende de compreendermos que ele, como tudo na vida, é uma grande oportunidade que recebemos de Deus para servir e nos aprimorar, desenvolvendo, assim, nosso mais profundo sentimento de gratidão.

Para ser bem-sucedido, não basta apenas ter eficiência e capacidade profissional. Existem muitas pessoas que apesar de serem honestas, corretas e competentes, por algum motivo, não conseguem ter uma vida próspera e feliz.

Nesse sentido, podemos observar que existem pessoas que têm sorte na vida e outras que, por mais que se esforcem, parecem não ter muita afinidade com ela.

Os senhores querem ter sorte? Sorte no amor, sorte nas amizades, sorte no trabalho, sorte na vida?

É isso mesmo! Todo mundo deseja ter sorte, não é? Eu acho isso muito natural.

Mas a nossa atitude é de quem deseja mesmo ter sorte? Ou é uma atitude passiva, de quem só fica pensando: "Ah! Seria tão bom se a sorte batesse à minha porta e fizesse chover na minha horta!" ?

É importante sabermos que, nem sempre, a sorte se mostra de forma óbvia para nós.

Muitas vezes, ela se esconde nas coisas, nas pessoas, nas situações que menos esperamos; naquelas circunstâncias das quais mais desejamos nos afastar.

Sendo assim, se ficarmos na nossa zona de conforto, evitando os desafios e obstáculos que a vida nos impõe, podemos deixar de encontrar a nossa sorte.

Se só ficamos escolhendo as pessoas, o tipo de trabalho ou de dedicação que satisfaz o nosso ego, infalivelmente, deixamos de crescer, de nos aprimorar, de evoluir.

Então, pergunto aos senhores: a sorte é mero acaso?

No ensinamento que acabamos de ouvir, "O segredo da sorte na vida", Meishu-Sama deixa bem claro que a sorte tem um fundamento.

Meishu-Sama afirmou:

"em se tratando da sorte, basta que o espírito se torne afortunado no Mundo Espiritual.

Quando isso se refletir no corpo material, obviamente passa-se a ter sorte na vida.[...] a posição do registro no Mundo Espiritual projeta-se de maneira idêntica na matéria, refletindo-se no destino da pessoa.

Sendo assim, fica claro que elevar a posição do espírito é o princípio fundamental para se obter sorte na vida. [...]

As más ações nublam o espírito e o tornam pesado. Ao contrário, as boas ações o tornam leve, fazendo-o elevar-se.

Por conseguinte, acautelar-se contra o mal, não cometer pecados e praticar o bem o máximo possível torna o espírito leve. Este é o segredo para se obter a sorte na vida."

Puxa vida! Como esse Ensinamento é maravilhoso!

Realmente, quando trabalhamos com a consciência de que o nosso trabalho é um meio para servirmos a Deus, à sociedade e à felicidade das pessoas, nossa vida se transforma. Mudamos o nosso destino, alcançando a boa sorte tão almejada.

Nós já compreendemos qual é a missão do trabalho e o segredo da sorte na vida. Mas, conforme Meishu-Sama mesmo afirmou: "Embora tudo isso seja teoricamente compreensível, na hora de se colocar em prática é que fica complicado.

Existe, porém, um método fácil para se conseguir isso: a fé. Logo, quem realmente deseja obter sorte na vida, deve, em primeiro lugar, ingressar na fé."

Então, pergunto aos senhores: A quem devemos recorrer para transformar a nossas vidas?

Isso mesmo! Precisamos recorrer a Meishu-Sama.

E onde ganharemos força, Luz para colocar em prática o que Meishu-Sama nos ensina?

Meishu-Sama fundou a Igreja Messiânica Mundial, construiu os Solos Sagrados e as Igrejas com o objetivo de que, neste ambiente espiritual da mais alta vibração, nós possamos receber a Luz e a força necessárias para transformar as nossas vidas e praticar os Ensinamentos no nosso dia a dia, em casa, no trabalho, em toda parte.

Podemos servir em todos os locais, mas os messiânicos sabem bem que, nos locais onde está assentada a Imagem da Luz Divina, a intensidade da Luz é maior, conforme constatamos nas mais diversas experiências que nos são relatadas.

Agora, cabe a cada um de nós, nos empenhar para confirmar o poder de salvação de Deus que se manifesta através de Meishu-Sama, trazendo-nos a sorte para a nossa vida neste mundo.

Estamos há 45 dias do Culto do Paraíso Terrestre - dia em que a Luz de Deus se torna ainda mais intensa no Mundo Espiritual.

Como será que estamos nos preparando para essa data tão auspiciosa? Será que estamos preparados para receber uma intensidade ainda maior de Luz?

Não percamos tempo! Não fiquemos aguardando a sorte de braços cruzados.

Vamos "arregaçar as mangas" e fazer o que precisa ser feito, assumindo um papel ativo na salvação das pessoas e na concretização do Paraíso Terrestre.

No próximo dia 15 de junho, aguardo todos os senhores aqui, no Solo Sagrado, para juntos manifestarmos toda a nossa gratidão a Deus e Meishu-Sama pela permissão de dedicarmos em Sua maravilhosa Obra.

Este mês, comemoramos também o Dia das Mães!

Vamos agradecer a elas por todo amor, paciência e dedicação para conosco. E homenagear todas as mamães com uma calorosa salva de palmas.

Desejo a todos um feliz regresso a seus lares.

Tenham um excelente mês, repleto de Luz, saúde, prosperidade e paz!

Muito obrigado e boa missão!